Incrementando a aventura: ♪ trilha sonora ♫ – Parte I

Saudações, aventureiros! Hoje vamos tratar de um assunto particularmente delicado que envolve todos os jogadores em uma aventura de RPG, inclusive o Mestre: a ambientalização por parte de um fundo sonoro. E que, coincidentemente (ou não…) é retratado pela imagem de um famoso tipo de aventureiro rpgista: o bardo, “mascote” do blog.
Mas… qual exatamente a complicação?

Bom, então se você é um headbanger (metaleiro…) e o Mestre um pagodeiro, você vai entender perfeitamente o que estou falando. Então, em busca de uma solução, de preferência pacífica e sem mortes, essa postagem trará algumas dicas para contornar esta situação, e ainda assim ter o fundo musical, que, como em um filme, pode ser indispensável. Ou prefere o som do cachorro do vizinho latindo sem parar, seus pais brigando e seu irmão mais novo assistindo filme dos Power Rangers no volume máximo? Acho que não.
Para começar, temos que conseguir resolver a situação quanto à diferença de apetecimentos musicais (sim, apetecimentos existe, procure no Google!). “Não dá para agradar a todos”, diz o ditado. Não mesmo, mas há como não matar todos de nojo.
Note então os estabelecimentos comerciais (valem restaurantes e lojas de shopping, principalmente). Alguns mais ligados sabem que há música tocando no fundo. E alguma vez você ouviu uma determinada música nesses lugares que odiou, ou simplesmente não gostou? Pois é, essa é a nossa chave. E se você respondeu sim a minha pergunta, você mente. E mal.
Essas músicas são as típicas chamadas de “músicas de Antena 1”, como os mais velhos dizem. São músicas, geralmente internacionais, com ritmos pop, jazz, e do gênero. São músicas que agradam facilmente nosso cérebro, dando-nos uma sensação de conforto. Aí está a ideia 1: se você tem um rádio, pode sintonizar a estação da Antena 1, ou internet, para sintonizar a estação via web, com maior qualidade. Não que eu seja fã. Sou metaleiro.
Mas se não gostou da ideia, beleza. Temos mais uma sugestão. Um dia desses, minha mãe me tira do PC e navega no YouTube. Cena típica, não? Mas justo aquele dia (e só aquele dia!), isso foi bom. Alguns poucos já devem ter ouvido falar, mas há uma cantora, instrumentalista e compositora irlandesa, chamada Eithne Patricia Ní Bhraonáin (okay, okay!), ou só Enya. Suas músicas são calmas, e suas tags incluem “relaxamento” e “meditação”. Vamos conferir um vídeo dela: é a música May it Be, de Final Fantasy VIII, e também música-tema de “O Senhor dos Anéis: Duas Torres”.
Muito bom se usado sem moderação. E abaixo a música, ainda dela, One by One, ainda também de Final Fantasy VIII.
Legal? Eu aprovei. E ainda, vendo as animações nos vídeos, dá pra conseguir ideias para aventuras futuras! De acordo com um certo amigo meu português, é 2 em 1!
Para quem se interessou nessa postagem, aí vão alguns links úteis:
Rádio Online Antena 1 (direto o player):
Biografia de Enya (com a discografia):
Todas as músicas de Enya:
Meu twitter (-q):
Tá, e o twitter do Bardo, pro pessoal que ainda não sabe:
Que suas espadas permaneçam afiadas!
Esse post foi publicado em Dicas, Incrementando a Aventura, Músicas, RPG. Bookmark o link permanente.

4 respostas para Incrementando a aventura: ♪ trilha sonora ♫ – Parte I

  1. Cyber Vitor disse:

    OI, Post muito interessante, realmente, desviar a atenção dos jogadores do estilo de musica é uma excelente ideia para evitar discórdia á mesa, pois uma muisica calminha, todo mundo gosta, ou pelo menos não desgosta…E esse português, acho que conheço ele XD

  2. João Pedro disse:

    Ahh, valeu aí. E sim, vc conhece esse português hahaE Antena 1, rádio aqui do Brasil, foi bom?

  3. Benaduce disse:

    Buenas JP, eu gosto dos Power Rangers, tu tem algum prob;ema com filmes deles? Quando guri assisti pelo menos umas oito vezes o filme do Ivan Ooze (que os rangers viram ninjas). Então cuida onde tu pisa falando mal deles no meu blog!!! (momento owner ditatorial, hehe).Afora isso, concordo com a ideia geral do teu texto, mas acho que músicas no estilo "antena 1" não são exatamente o que eu esperaria em uma mesa, existem diversas coisas que podem ser colocadas como fundo, trilhas sonoras de jogos e coisas afins (eu gosto muito da trilha sonora de Final Fantasy VII). Mas de todas as trilhas sonoras que seriam possíveis, a última que eu sugeriria seria Enya. Aqui faço minhas as palavras do Léo Madeira no progama Top Top da MTV "Enya é música para quem não gosta de música". Se um mestre colocasse isso numa mesa em que eu estivesse, ele arrumaria uma pessoa muito disposta a reclamar de tudo o que fosse possível.Quanto à radio Antena 1, imagine você mestrando aquela passagem tensa do jogo, aquele momento decisivo, e ouve a vinheta da rádio "anteena uuuuuuuuum!". Chato, não?Enfim, concordo com a tua ideia geral, mas sou adepto de escolher as músicas a dedo.Grande abraço

  4. João Pedro disse:

    Hmm, Bena, nada contra os Power Rangers, também amaava quando pequeno! xDAcho que você não entendeu muito bem a "ideia", o "contexto" do post e das sugestões. Quando mencionei "músicas Antena 1", sugiro o estilo das músicas, e não exatamente a rádio. Propus o link da rádio online como um meio dos leitores poderem entender bem esse estilo musical "neutro". E não, é claro, colocar as músicas direto pela Rádio.==============Momento RPG==============Mestre: E agora, onde está o clérigo? A ranger de Alihanna está morrendo, e a vila está sendo atacada!Ranger: É fim! Onde podemos encontrar a magia musical do bardo pra ajudar? Onde, onde, onde?Rádio: ANTENA UUUM!=======================================Ou algo assim… ^^Concordo totalmente, também sou adepto e indico a escolha das músicas a dedo. E pretendo dar continuidade no post, com uma Parte 2.Abraços.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s